O Ministério Transformador da ICM ainda é necessário

posted in: MCC News, Moderator | 0
Young Adults on Stage at General Conference 2019
Reverenda Bispa Cecilia Eggleston (fileira da frente, centro) junta-se à MCC Jovens Adultos em uma foto de grupo na Conferência Geral de 2019. (foto de Sarah de Rooy)

Reflexão da Moderadora

Revª. Bispa Cecilia Eggleston, Moderadora, Igrejas da Comunidade Metropolitana

A Índia está no meu coração no momento. Eu não sei porquê. Não é um país sobre o qual eu sei muito além do que vi nos filmes. Tem uma população maciça de 1.368.737.513 de acordo com um site, o segundo maior depois da China. Eu não acho que a ICM tenha uma presença formal lá. Como seria uma ICM na Índia? Quais idiomas seriam falados na adoração? O que a adoração pareceria e soaria? Como nossa tribo da ICM se encaixaria na paisagem vibrante de tantas tradições religiosas? Que trabalho de justiça precisa ser feito lá?

Qual seria o impacto sobre nós, como uma Fraternidade global, se, dentro de vinte anos, houvesse mais comunidades de ICM na Índia do que em qualquer outro lugar do mundo? Eu convido você a apenas sentar e apenas notar sua resposta sobre essa pergunta.

A ICM está ativa em 33 países no momento. Existem muitos outros países no mundo onde o ministério de transformação de vida e espírito da ICM é necessário. Vamos aparecer em muitas formas e tamanhos. Em alguns lugares, seremos aquela interação encantadora da igreja tradicional e do ativismo queer, com um belo prédio, um excelente coro e uma feroz reputação na comunidade para falar a verdade sobre o poder em questões que vão dos direitos trans ao aquecimento global.

Em outros lugares, a ICM será uma célula subversiva, oferecendo abrigo seguro para aqueles em ambientes hostis, ajudando a construir comunidade, criando um impulso para um movimento LGBTQI em um país que ainda não reconhece a riqueza diversa do povo de Deus.

Talvez a nossa presença seja em parceria com outros, servindo aqueles que estão à margem – refugiados, sem-teto, aqueles que têm vícios. Nosso evangelho do amor radical inclusivo amor de Deus é mostrado de maneira prática, quando nós, como Jesus, saímos às ruas e servimos as pessoas onde elas estão.

Naturalmente, a ICM já existe dessa maneira e também de outras formas. Como ICM, nós construímos comunidade, nós aproximamos as pessoas do Divino, nós as capacitamos a viver plenamente como seres encarnados, cheios de espírito. Oferecemos espaço seguro e fé radical. Ainda somos necessários em muitos lugares para mudar o mundo. Deus já está lá – esperando e se preparando para a nossa chegada.